UOL Notícias Notícias
 
19/08/2010 - 17h43

Militares apreendem 1,6 tonelada de maconha no México

ANSA
CIDADE DO MÉXICO, 19 AGO (ANSA) - O Exército mexicano anunciou a apreensão de 1,6 tonelada de maconha em operações realizadas hoje na fronteira com os Estados Unidos, enquanto o Ministério da Defesa informou que desde 2006 foram recolhidas 180 mil armas usadas por narcotraficantes.

Segundo a Procuradoria Geral da República (PGR), a droga foi confiscada em duas operações independentes no estado de Tamaulipas, nos municípios de Miguel Alemán e Nuevo Laredo -- sendo que uma delas ocorreu durante uma patrulha na região do rio Bravo, limite natural com o país vizinho.

Em Miguel Alemán, os militares encontraram 77 pacotes em um campo de plantação de milho, contendo um total de 824 quilogramas de maconha. Em Nuevo Laredo, foram achados 92 pacotes, aparentemente abandonados, pesando 835 quilogramas. A droga está à disposição da Promotoria, que abriu uma investigação.

Além disso, em ações que vem sendo realizadas desde 2006, as tropas federais mexicanas apreenderam 180 mil armas utilizadas por grupos narcotraficantes, muitas delas "sofisticadas e mortíferas", provenientes da África do Sul, segundo informou o Ministério de Defesa.

O responsável pelo armazém de Materiais de Guerra da pasta, general Antonio Monsiváis, relatou que permanecem guardadas ali 79.074 armas, que em sua maioria vem dos Estados Unidos e depois são destruídas.

Entre as apreensões, há um lança-granadas de 40 milímetros capaz de fazer até seis disparos em 30 segundos. Há também fuzis AR-15 e AK-47, granadas de diferentes tipos, algumas vindas de Israel, e fuzis Barret de calibre 50 que podem penetrar blindagens e derrubar helicópteros a uma distância de dois quilômetros.

Monsiváis explicou que o maior número de captações foi feito nos estados de Chihuahua, Baixa Califórnia, Michoacán, Coahuila e Tamaulipas, além do Distrito Federal -- onde está localizada a Cidade do México.

O general comentou ainda que os militares também encontraram armas modificadas pelos criminosos para incrementar sua capacidade de fogo e potência.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host