Topo

Em Lampedusa, Papa joga coroa de flores ao mar

2013-07-08T06:45:00

08/07/2013 06h45

LAMPEDUSA, 8 JUL (ANSA) - O papa Francisco afirmou hoje, em visita à ilha italiana de Lampedusa, que a morte de imigrantes em alto mar é "um espinho no coração". Ele também jogou uma coroa de flores em homenagem às vítimas de naufrágios. Em uma missa celebrada no estádio de Lampedusa, o Pontífice pediu "perdão ao Senhor" pelas mortes de imigrantes, incidente frequentemente registrado na ilha italiana, um dos principais destinos de refugiados. "Vocês são uma pequena realidade, mas oferecem um exemplo de solidariedade. Obrigado a todos", disse o Papa à população de Lampedusa. Na celebração, Francisco destacou que sua visita à ilha serve para "acordar a nossa consciência para que o que aconteceu não se repita mais", referindo-se ao naufrágio de embarcações de imigrantes ilegais. Antes da missa, Francisco lançou ao mar uma coroa de flores em homenagem aos imigrantes que perderam a vida em alto mar. Diante do porto de Lampedusa, Francisco fez uma oração e barcos de pescadores tocaram suas sirenes durante a homenagem. Ao visitar o porto, o Pontífice cumprimentou, sorrindo, dezenas de imigrantes, a maioria africanos e jovens. "Cumprimento todos e os agradeço pelo acolhimento", disse o Papa.   

"Nós fugimos do nosso país por dois motivos: político ou econômico. Para chegar a este lugar tranquilamente, superamos vários obstáculos, fomos sequestrados por vários traficantes.   

Para chegar aqui na Itália, sofremos muito", disse um jovem ao Papa, entregando uma carta ao Pontífice. O jovem, emocionado, também pediu ajuda a Francisco. "Estamos aqui, forçados a permanecermos na Itália, porque deixamos nossas impressões digitais e, por isso, não podemos ir embora. Pedimos para outros países europeus nos ajudarem", disse. Francisco também percorreu ruas de Lampedusa, ocasião em que saudou os moradores. Essa é a primeira viagem apostólica do Papa, que saiu de Roma nesta manhã e deve retomar ainda hoje para a Cidade do Vaticano. (ANSA)

Mais Internacional