PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Café turco é Patrimônio da Humanidade da Unesco

19/12/2013 10h29

ROMA, 19 DEZ (ANSA) - O café turco, Turk Kahvesi foi designado como Patrimônio da humanidade e bem imaterial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).   

A tradição do café turco e muito antiga tem cerca de cinco séculos, e é única na sua preparação. O pó do café é moído muito fino, depois é fervido dentro do ibrik, um bule de latão com água, açúcar e, com base nas várias tradições, com especiarias.   

Esta mistura é fervida e desligada por três vezes antes de ser servida em uma xícara de café de porcelana envolvida por uma capa de latão. O café obtido desta forma deve descansar por ao menos dois minutos antes de ser consumido para que o pó se deposite no fundo da xícara.   

Nos bares turcos não é difícil encontrar alguém que queira "ler" as borras dos cafés, virando a xícara e indagando passado e futuro nos resíduos do pó que caíram no pires.   

Outra tradição que envolve o café turco se refere ao casamento.   

A noiva deve preparar e oferecer o melhor café aos pais do noivo que pedem sua mão. Uma prova dos seus dotes que ainda hoje é repetido mesmo que o ritual tenha um valor apenas simbólico.   

Apesar da proliferação em cidades como Istambul das redes de Starbucks (que de qualquer forma oferecem uma mistura ad hoc de café turco), o tradicional Kahvesi pode ser encontrado nos pequenos bares e locais históricos. Para o blog Delicious Istanbul o melhor café é o do Fazil Bey.   

Também é recomendado um café de um local sem nome que reproduz café turco do século XV, com sofás e narguilé e localizado próximo do Grande bazar na capital turca.   

O local mais famoso, que quase todos os guias indicam, é o Mandabatmaz que para a preparação utiliza ainda cevze, uma tradicional panelinha de latão. É o local mais indicado para se experimentar o café turco tradicional, principalmente pelos próprios turcos. Mais informações podem ser conseguidas visitando o novo portal oficial de Istambul: howtoistanbul.com. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional