'Pelado do Vaticano' se identifica como 'querubim'

Em Roma

  • Reprodução/Twitter/@EdoardoBuffoni

O brasileiro que tirou a roupa dentro da Basílica de São Pedro, no Vaticano, na última segunda-feira (4) se identifica no Facebook como "querubim".

Luis Carlos Giampaoli, um enfermeiro paulista de 44 anos, ficou nu na igreja mais importante do cristianismo após ter entrado normalmente no local, que é protegido por um forte esquema de segurança. Ainda de roupa, se escondeu em um canto da basílica e se despiu, ficando apenas de tênis e mochila.

Em seu perfil no Facebook, ele se autodenomina "Luis Carlos Cherubino" ("querubim" em italiano) e exibe fotos do Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida e imagens suas com uma fantasia de cardeal. O brasileiro desembarcara em Roma poucos dias antes do episódio e chegou a visitar a Basílica de São Pedro no último fim de semana.

Aparentemente, Giampaoli ficou nu para protestar contra a falta de acolhimento na Itália. Após ter tirado a roupa, ele passou a gritar "em Roma não há caridade" e a caminhar entre os turistas e fiéis. Em seguida, reclamou de ter esperado 17 anos para conseguir cidadania italiana e que teve de dormir na rua na "cidade eterna".

Ao dizer "Francisco, bendito...", foi imobilizado pela Gendarmaria Vaticana, que o levou para a ala psiquiátrica de um hospital vizinho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos