Assembleia da Venezuela empossa deputados impugnados

CARACAS, 7 JAN (ANSA) - Contrariando uma decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) da Venezuela, a Assembleia Nacional (AN) empossou três deputados opositores que estavam com a candidatura impugnada por suposta fraude eleitoral.   

Porém, eles atuaram normalmente na AN nesta quinta-feira (07) e causaram protestos dos chavistas, que chamaram a situação de "golpe". Isso porque, sem os três deputados, a oposição não conseguiria a chamada "supermaioria" - os dois terços dos assentos na Casa - que daria poderes semelhantes aos do presidente Nicolás Maduro à oposição.   

Ainda sem os três parlamentares, os oposicionistas dominariam apenas três quintos da AN o que não permitiria, entre outras coisas, a diminuição do mandato do atual presidente ou a aprovação da reforma constitucional, que está agendada para votação neste primeiro semestre.   

Essa seria a primeira vez em 17 anos - nos governos de Maduro e de Hugo Chávez - que os chavistas perderiam o controle absoluto da Assembleia. Para Maduro, a posse desses três nomes contestados causará uma "grande crise" na política venezuelana.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos