Del Nero volta a se afastar e põe coronel em seu lugar

SÃO PAULO, 07 JAN (ANSA) - Dois dias depois de ter reassumido a presidência da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero anunciou uma nova licença de até cinco meses e colocou no seu lugar o vice Antônio Carlos Nunes da Lima, o Coronel Nunes.   


O substituto interino de Del Nero é presidente da Federação Paraense de Futebol e foi eleito para integrar o comando da CBF no último dia 16 de dezembro, ocupando a vice-presidência deixada por José Maria Marin, que está em prisão domiciliar nos Estados Unidos por causa do escândalo de corrupção na Fifa.   


A movimentação de Del Nero teve como objetivo tirar o deputado Marcus Vicente, com quem começou a ter atritos, da presidência interina da confederação e evitar que o ex-vice mais velho da entidade, o desafeto Delfim Peixoto (75 anos), presidente da Federação Catarinense de Futebol, assumisse seu comando.   


Nunes tem 79 anos e foi levado à CBF justamente porque o estatuto da instituição manda que o vice mais velho seja empossado em caso de afastamento do presidente. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos