Em batismo coletivo, Papa fala que fé é 'herança'

CIDADE DO VATICANO, 10 JAN (ANSA) - O papa Francisco celebrou neste domingo (10) uma missa de batismo de 26 crianças, sendo 13 meninos e 13 meninas, na Capela Sistina, no Vaticano. "Quando uma criança chora é porque tem fome, dizem as mães. Se eles tiverem fome, dêem de comer aqui, com toda a liberdade", disse o líder da Igreja Católica na cerimônia. Francisco também afirmou que a fé é a "maior herança" que os pais podem transmitir aos filhos. "Espero que hoje, um dia de felicidade, que vocês tenham capacidade de fazer essas crianças crescerem com fé", comentou. Anualmente, o Vaticano realiza a cerimônia de batismo de crianças entre os meses de janeiro e fevereiro. Em 2014, quando presidiu a cerimônia pela primeira vez, Francisco adotou um tom mais informar e surpreendeu ao batizar dois bebês que poderiam despertar polêmicas na Igreja: um era filho de uma mãe solteira e o outro, de um casal que se uniu somente no matrimônio civil.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos