Loteria dos EUA sorteia prêmio histórico de US$ 1,5 bi

WASHINGTON, 13 JAN (ANSA) - A loteira Powerball sorteará um prêmio de US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 6 bilhões) nesta quarta-feira (13), nos Estados Unidos. A quantia, que bateu o recorde mundial, despertou uma febre nos norte-americanos e nem a pré-candidata democrata à Casa Branca Hillary Clinton ficou de fora do jogo e adquiriu um bilhete. Questionada sobre o que faria caso vencesse o prêmio, Hillary respondeu: "Financiaria a minha campanha eleitoral". No entanto, as chances de vencer são pouquíssimas. De acordo com especialistas, há 292,2 milhões de combinações de números possíveis para o sorteio. É 25 vezes mais fácil qualquer norte-americano se tornar presidente do país do que vencer na loteria do Powerball. Para ganhar o prêmio, é preciso acertar cinco números, de 1 a 69, que aparecem em bolas brancas na hora do sorteiro. Depois, há uma bola vermelha, chamada de Powerball, que vai de 1 a 26.   

Por ser tão difícil acertar os seis números sorteados, o prêmio costuma acumular semanalmente nos Estados Unidos, mas nunca havia demorado tanto tempo - o último ganhador é de novembro.   

Com o valor atual do prêmio, dá para comprar seis mil carros da marca Ferrari nos Estados Unidos. A loteria do Powerball está disponível em 44 estados norte-americanos, além de Washington D.C. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos