Sítios arqueológicos de Roma ganharão restaurantes

ROMA, 05 FEV (ANSA) - Alguns dos principais monumentos históricos de Roma ganharão nos próximos meses espaços dedicados a aumentar o conforto dos seus milhares de visitantes.   


O superintendente de Bens Arqueológicos da capital italiana, Francesco Prosperetti, anunciou que o Palatino, colina que abriga importantes ruínas do Império Romano, terá um restaurante para os turistas. Segundo ele, cerca de 500 mil euros já foram separados para esse fim.   


Além disso, serão inauguradas quatro cafeterias nas Termas de Diocleciano, no Fórum Romano, no sítio de Capo di Bove e na Vila dos Quintili, além de um restaurante no palácio Massimo, que abriga o Museu Nacional de Roma.   


"Os superintendentes anteriores ignoraram o acolhimento aos visitantes, mas isso é fundamental para nós", declarou Prosperetti. Ainda em 2016, a capital italiana escolherá o responsável pela reconstrução da arena do Coliseu de Roma, que deve durar cinco anos e custar 20 milhões de euros.   


Com o projeto, será possível voltar a fazer eventos no antigo campo de batalha do mais famoso monumento da cidade. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos