Justiça emite ofício para bloquear bens de Neymar

SÃO PAULO, 15 FEV (ANSA) - A Justiça Federal emitiu uma série de ofícios nesta segunda-feira (15) para bloquear diversos bens do jogador Neymar, em um valor total que atinge R$ 192 milhões.   


Entre os bloqueios, estão o jatinho e o iate do atacante - além de imóveis em São Paulo e em Santa Catarina, O pedido para bloqueio de bens foi realizado pela Procuradoria da Fazenda Nacional sob a acusação de que o atleta e seus parentes não quitaram dívidas de impostos entre os anos de 2011 e 2013. O valor dessa evasão seria de R$ 63,6 milhões.   


A resolução desta segunda-feira é o desdobramento do anúncio feito em 25 de setembro do ano passado, quando o Tribunal Regional Federal da 3ª região ordenou o bloqueio de R$ 188 milhões - o valor acima dos R$ 190 milhões é o corrigido pela Receita após um reajuste.   


O jogador e seus representantes legais negam qualquer irregularidade no pagamento de impostos durante os anos em que Neymar atuou no Santos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos