Com Trump e Papa, Nobel da Paz tem recorde de indicações

SÃO PAULO, 2 MAR (ANSA) - O Prêmio Nobel da Paz deste ano já conta com um recorde, o de maior número de indicações da história. Segundo o site oficial da premiação, a lista de candidatos de 2016 conta com 376 nomes, dos quais 148 são organizações e 228 são indivíduos.   

De acordo com a página, a cifra é bem maior até do que a do ano retrasado, quando as indicações chegaram a um recorde de 278. E mesmo não sabendo o conteúdo completo da lista, já que ela permanece em segredo por ao menos 50 anos, alguns dos nomes foram anunciados pelas próprias pessoas que os indicaram.   

É o caso, como afirma o jornal "The Guardian", do pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos Donald Trump; do papa Francisco; da chanceler alemã, Angela Merkel; dos negociantes da paz na Colômbia; e dos gregos que ajudam a resgatar imigrantes no mar Mediterrâneo.   

Além disso, o ginecologista congolês Denis Mukwege, a atriz e ativista norte-americana Susan Sarandon e a Federação Afegã de Ciclismo também foram indicados para o Prêmio Nobel da Paz deste ano. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos