Suposta delação de Delcídio causa euforia no mercado

SÃO PAULO, 03 MAR (ANSA) - Se para o Palácio do Planalto a notícia da suposta delação premiada do senador petista Delcídio do Amaral caiu como uma bomba, no mercado financeiro os rumores provocaram euforia.   


Após a publicação da edição da revista "IstoÉ" que diz ter o conteúdo da colaboração do parlamentar com a justiça, o índice Ibovespa disparou, encerrando o pregão desta quinta-feira (3) com alta de 5,12%, em 47.193 pontos. Segundo o site "Infomoney", esse é o melhor resultado registrado pela Bolsa desde agosto de 2011.   


Além disso, o dólar comercial teve queda de 2,20% e chegou à marca de R$ 3,80, a cotação mais baixa de 2016. Desde o início da atual crise política no Brasil, notícias ruins para a presidente Dilma Rousseff e para o PT se refletem em ganhos no mercado financeiro, enquanto novidades positivas para o governo causam o efeito inverso.   


Nem mesmo a nota divulgada durante a tarde por Delcídio, dizendo que não confirma a autenticidade dos documentos citados pela "IstoÉ", serviu para diminuir o ânimo dos investidores. Segundo a revista, o senador fez um acordo de delação premiada no âmbito da Operação Lava Jato. Nela, o petista teria dito que Dilma e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tentaram interferir nas investigações sobre o escândalo de corrupção na Petrobras e que os dois sabiam do esquema na estatal.   


"À partida, nem o senador Delcídio, nem a sua defesa confirmam o conteúdo da matéria. Não conhecemos a origem, tampouco reconhecemos a autenticidade dos documentos que vão acostados ao texto. Esclarecemos que em momento algum, nem antes, nem depois da matéria, fomos contatados para nos manifestarmos sobre a fidedignidade dos fatos relatados", diz a nota do parlamentar, que também é assinada pelo advogado Antonio Augusto Figueiredo Basto. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos