Faca de crime de O.J. Simpson pode ter sido achada nos EUA

WASHINGTON, 04 MAR (ANSA) - Uma faca que pode estar relacionada a um duplo homicídio cometido por O.J. Simpson está sendo investigada pela polícia de Los Angeles, confirmaram as autoridades norte-americanas nesta sexta-feira (04).   

O ex-jogador de futebol norte-americano é o principal suspeito de ter esfaqueado e assassinado a então esposa, Nicole Brown, e o amigo Ronald Goldman em 1994. Porém, ele foi considerado inocente durante o julgamento porque a arma do crime nunca foi localizada.   

Há cerca de um mês, os policiais foram informados que um ex-membro da corporação teria uma faca que foi encontrada durante a demolição da casa do ex-jogador. Segundo esse policial aposentado, o item foi entregue por um dos homens que trabalhavam na obra e ficou escondida por quase 20 anos.   

Segundo o capitão da polícia Los Angeles, Andrew Neiman, o aposentado então contou a outro colega de profissão que queria "enquadrar o artefato". Por não concordar com a atitude, o policial contou a seus superiores sobre a arma e a investigação foi retomada.   

Agora, as autoridades irão investigar se há traços de sangue ou qualquer item que levem O.J. Simpson a ser incriminado pelo evento.   

O ex-jogador está preso desde 2008 após uma condenação a 33 anos de prisão por diversos crimes, desde sequestro à assaltos. O caso do ex-atleta voltou à tona nos últimos meses depois do programa "American Crime Story: The People vs O.J" ser transmitido. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos