Contra Real Madrid,técnico da Roma não quer time como vítima

ROMA, 08 MAR (ANSA) - O técnico da Roma, Luciano Spalletti, afirmou que não quer ver seus jogadores como vítimas na partida de hoje (08) contra o Real Madrid pela Liga dos Campeões da Europa. Para passar de fase, a equipe precisará reverter um placar de 2 a 0 no estádio Santiago Bernabeu.   


"Não devemos ter a fraqueza de pensar que nós jogaremos para perder. Isso é uma coisa muito feia para aceitar. Quem pensa assim não joga comigo, sequer deixo treinar. Todos os que fazem parte do meu trabalho são muito exigentes e eu peço muito ao time. Se pensarmos assim, poderemos fazer e depois vemos o que acontece no final", disse Spalletti em coletiva de imprensa.   


Para o treinador, é preciso "fazer um gol" para então ver como a partida irá "mudar completamente".   


Do outro lado, o técnico Zinedine Zidane afirmou que é preciso vencer a equipe italiana e não ficar jogando com o regulamento nas mãos. "A única coisa que temos que fazer é vencer e pensar só nisso. Muitos acham que a partida contra a Roma será fácil, mas eu não acredito nisso. Precisamos jogar bem", ressaltou o treinador.   


O confronto pelas oitavas de final da Champions ocorre às 16h45.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos