Ex-CEO da Telefonica assumirá presidência da YPF

BUENOS AIRES, 10 MAR (ANSA) - O ex-CEO da espanhola Telefonica Miguel Ángel Gutiérrez assumirá a presidência da petroleira estatal argentina YPF após o governo de Mauricio Macri anunciar a saída de Miguel Galuccio do cargo.   

"Foram quatro anos de muitíssima intensidade, em que mudamos o rumo da YPF para voltar a transformá-la no motor do desenvolvimento energético do país, criando valor para os acionistas", disse Galuccio em comunicado.   

Gutiérrez deve assumir o cargo em abril, como informou o Ministério de Energia.   

Galuccio assumiu como presidente e CEO em 2012, logo após o governo de Cristina Kirchner estatizar a empresa, que estava nas mãos da espanhola Repsol. Durante seu período a frente da empresa, as dívidas da YPF mais do que dobraram.   

Histórico - Em 2012, o Congresso aprovou, a pedido de Kirchner, a expropriação de 51% das ações da petrolífera, que desde 1999 estavam sob poder da Repsol. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos