Hillary e Trump têm grandes vitórias em prévias nos EUA

SÃO PAULO, 16 MAR (ANSA) - A nova "Super Terça" da corrida eleitoral para a Presidência norte-americana colocou Hillary Clinton e Donald Trump em uma liderança absoluta em seus partidos.   

A democrata venceu em quatro dos cinco estados na disputa nesta terça-feira (15) - Flórida, Illinois, Carolina do Norte, Ohio - e o republicano ganhou em três dos cinco. A contagem ainda não foi encerrada no Missouri, onde a disputa está em um "empate técnico" para ambos os partidos.   

"Nosso próximo presidente deve estar preparado para três grandes tarefas: fazer diferença positivas nas vidas das pessoas, nos manter seguros e trazer o país junto novamente", disse Hillary em seu discurso de vitória na cidade de Palm Beach, na Flórida.   

Se pelo lado democrata já não há muito mais o que o senador de Vermont Bernie Sanders possa fazer, do outro a briga promete ser maior, já que, aparentemente, nenhum dos candidatos conseguirá a quantidade de delegados para ser escolhido.   

Outro ponto a ser destacado entre os republicanos foi a derrota do magnata para John Kasich em Ohio. Como o sistema adotado nas primárias do estado é "winner-takes-all" ("o vencedor leva tudo"), Kasich levou os 66 delegados e começou a ser visto como uma opção "mais moderada" entre Trump e Ted Cruz (que está na vice-liderança).   

A dúvida, apesar dos número indiscutíveis de Trump, é se o partido indicará alguém que não tem tanto o "perfil" republicano ou se arrisca com o magnata. Em entrevista à "CNN", o bilionário alertou que se sua sigla não o escolher "haverá confronto" nas ruas. O magnata ainda contou aos jornalistas que não tem dúvidas de que atingirá os 1.237 delegados necessários, mas afirmou que não quer que seus adversários, Ted Cruz e John Kasich, saiam da disputa.   

Trump também informou que não participará do próximo debate republicano, que será realizado no dia 21 de março em Utah, porque "já fizemos debates suficientes" até agora.   

- Números: A ex-secretária de Estado teve um grande resultado na Flórida, o maior estado em disputa na noite de ontem (15), e venceu o senardor de Vermont Bernie Sanders por 64,5% a 33,3%, segundo o portal "Politico". Com isso, ela obteve mais 142 delegados para sua lista enquanto o senador obteve apenas 62. Já em Illinois, Hillary venceu por 50,5% a 48,7% e conquistou 86 representantes contra 64 de Sanders.   

Na Carolina do Norte, a ex-secretária de Estado venceu por 54,6% contra 40,8% e levou 67 dos 43 delegados e em Ohio a vitória foi parecida, 56,5% a 42,7%, obtendo 88 representantes contra 55.   

No Missouri, ocorre um "empate técnico" (49,6% a 49,4%) até o momento. Porém, a pré-candidata está 0,2% à frente e leva os 14 delegados locais.   

Até o momento, Hillary tem 1.561 delegados (contando os chamados super-delegados) e Sanders tem 800. São necessários 2.383 para ser nomeado para o partido e há ainda 2.404 representantes disponíveis.   

Entre os republicanos, Trump fez 45,8% dos votos na Flórida contra 27% de Marco Rubio - que desistiu da disputa presidencial - e levou os 99 delegados. No Illinois, o magnata obteve 38,8% dos votos contra 30,3% de Ted Cruz e também levou todos os 24 delegados.   

Na Carolina do Norte, o magnata teve 40,2% contra 36,8% de Cruz.   

Na divisão proporcional de delegados, Trump teve 29, Cruz 26, Kasich 9 e Rubio 5 delegados. Já em Ohio, Kasich venceu com 46,8% dos votos contra 35,7% de Trump e ficou com os 66 delegados.   

No Missouri, Trump está em "empate técnico" com 40,8% das escolhas contra 40,6% de Cruz. Como o candidato vencedor, leva todos os delegados, ainda não se sabe com quem eles vão ficar.   

Trump tem, até o momento, 621 delegados contra 396 de Cruz, 168 de Rubio e 138 de Kasich. Para ser nomeado, é preciso ter 1.237 delegados a favor e 1.134 delegados ainda estão em disputa.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos