Presidente da Figc quer técnico 'de base' para Azzurra

ROMA E FLORENÇA, 21 MAR (ANSA) - O presidente da Federação Italiana de Futebol, Carlo Tavecchio, afirmou nesta segunda-feira (21) que ainda não tem um novo técnico para a seleção nacional, mas que procura por alguém que conheça a base do futebol no país.   


"Não há nenhum contato e nenhum acordo foi acertado com qualquer treinador. Agora estou refletindo e lembro dos grandes resultados de 1982 e 2006 [anos de conquistas de Copas do Mundo] e vencemos com aquilo que chamávamos de escola federal, que foi construída com uma filosofia diferente daqueles de clubes e com um grande pertencimento às cores da Itália", ressaltou o mandatário.   


Para ele, o novo comandante deve seguir a filosofia "cantera", implementada na Espanha no século passado, e que valorizava os atletas de base do país. O atual técnico da Azzurra, Antonio Conte, anunciou que deixará a seleção no fim da Eurocopa 2016, que será disputada entre junho e julho. A imprensa inglesa dá como certa a transferência do técnico para o Chelsea.   


Já os rumores na imprensa italiana apontam que Claudio Ranieri, que vem fazendo uma campanha histórica com o Leicester na Premier League, possa ser o novo técnico - apesar da negativa pública do treinador. Os nomes de Fabio Capello e Roberto Donadoni também são apontados para o cargo.   


- Conte fala com a imprensa: O técnico Antonio Conte falou com a imprensa e destacou os motivos que o levaram a deixar a Azzurra.   


"Quando, após as eliminatórias europeias, eu vi que precisariam passar quatro meses para voltar a treinar, eu percebi que não teria como aceitar outros dois anos fechados dentro de uma garagem. Eu ouvi meu coração e disse ao presidente Tavecchio que não estaria mais aqui no próximo biênio, pois quando se está fechado em uma sala não se sente o cheiro do gramado", ressaltou.   


Conte ainda despistou sobre seu futuro, mas disse que a palavra Chelsea "não é um tabu" para ele. Aos jornalistas italianos, ele ainda afirmou que poderiam falar sobre os clubes italianos como possíveis destinos.   


O treinador assumiu a seleção italiana em 2014, após o fiasco na Copa do Mundo dos comandados de Cesare Prandelli. Antes da Azzurra, Conte fez história conquistando vários títulos pela Juventus. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos