Papa condena 'abomináveis' atentados em Bruxelas

CIDADE DO VATICANO, 23 MAR (ANSA) - O papa Francisco lamentou nesta quarta-feira, dia 23, a série de atentados terroristas realizados em Bruxelas que deixaram ao menos 31 vítimas. Segundo o líder religioso, estas "cruéis" ações são "abomináveis" e causam "somente morte, terror e horror".   

"Acompanhei com o coração dolorido as tristes notícias dos atentados ocorridos ontem em Bruxelas, que causaram numerosas vítimas e feridos", declarou durante audiência geral na Praça São Pedro. "Estou próximo e rezo pela querida população belga e todos os familiares das vítimas e todos os feridos", acrescentou. Francisco ainda rezou uma Ave Maria pelas vítimas e pediu um minuto de silêncio.   

A manhã da última terça-feira, dia 22, na cidade de Bruxelas, Bélgica, foi marcada por caos, terror e medo após dois ataques reivindicados pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI), que atingiram a área de check-in de um aeroporto e uma estação de metrô, deixarem mais de 30 mortos e centenas de feridos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos