Cafeicultora de MG vence 25º Prêmio Ernesto Illy

TRIESTE, 07 ABR (ANSA) - A cafeicultora Juliana Tytko Armelin, da fazenda Terra Alta, em Ibiá (MG), é a vencedora do 25º Prêmio Ernesto Illy de Qualidade do Café para Expresso. A cerimônia ocorreu na última quarta-feira (7), no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo (SP), que recebe uma exposição do fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado em parceria com a illycaffè.   


Além de um troféu, Armelin recebeu R$ 70 mil em dinheiro. O segundo lugar ficou com Laerte Pelosini Filho, do estado de São Paulo, enquanto Leda Terezinha Castellani Pereira Lima, de Minas Gerais, completou o pódio.   


A honraria homenageia cafeicultores que produzem café de qualidade e de maneira sustentável. Durante a cerimônia, o CEO da marca italiana, Andrea Illy, anunciou a criação do Prêmio Internacional Ernesto Illy, que escolherá o "melhor café do mundo", selecionado entre os países que fornecem grãos para a empresa, incluindo o Brasil.   


A celebração deve acontecer no próximo outono boreal, em Nova York (EUA). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos