Papa Francisco abraça transexuais no Vaticano

CIDADE DO VATICANO, 09 ABR (ANSA) - Durante uma celebração na praça São Pedro neste sábado (9), o papa Francisco abraçou cerca de 50 mulheres, incluindo transexuais, provenientes de 10 países e que viveram a tragédia da prostituição e do tráfico de seres humanos.   

Segundo o jornal vaticano "L'Osservatore Romano", o abraço foi "significativo". O grupo foi levado ao Pontífice pela associação beneficente Rabbunì, que atua na província de Reggio Emilia, no norte da Itália.   

Ao periódico da Santa Sé, a organização disse que "até as mulheres forçadas a se prostituírem têm algo de belo para compartilhar e mostrar ao Papa". No início de 2015, Francisco já havia recebido o transexual espanhol Diego Neria Lejarraga e sua namorada.   

O encontro foi fruto de uma carta enviada por Lejarraga, que nasceu menina e fez a cirurgia de mudança de sexo aos 40 anos, reclamando que era tratado pelo líder da Igreja Católica em sua região, Extremadura, como "filha do diabo". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos