Ferrari bate Mercedes e lidera treinos livres na China

ROMA, 15 ABR (ANSA) - A Ferrari apresentou boa consistência durante o primeiro dia de testes para o Grande Prêmio da China de Fórmula 1 nesta sexta-feira (15) e colocou seus dois carros à frente das Mercedes.   


Kimi Raikkonen foi o mais veloz, marcando o tempo 1m36s896, e Sebastian Vettel veio logo atrás, com 1m37s005. "A pista estava escorregadia e também o vento estava complicando as coisas.   


Vamos ver as condições meteorológicas de amanhã e tentaremos desfrutar de todas as condições", ressaltou Vettel.   


Já as Mercedes vieram na sequência, com Nico Rosberg (1m37s133) em terceiro e Lewis Hamilton, que terá que cumprir uma punição que o fará perder cinco posições na largada pela troca de câmbio, em quarto (1m37s329).   


Os brasileiros fizeram treinos "discretos", com Felipe Massa, da Williams, terminando na 14ª colocação, e Felipe Nasr, da Sauber, no 20ª lugar. Outra boa surpresa foi a permanência do espanhol Fernando Alonso, da McLaren, durante as duas partes do treino. O piloto foi liberado para a disputa após perder a última corrida por um grave acidente durante o GP da Austrália. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos