Com partida memorável de Buffon, Juve está com a mão na taça

ROMA, 25 ABR (ANSA) - Em uma noite memorável para o veterano goleiro Gianluigi Buffon, a Juventus ficou a um passo do quinto título consecutivo do Campeonato Italiano na noite deste domingo (24) - o 32º título de sua história.   


A equipe de Massimiliano Allegri venceu a Fiorentina por 2 a 1, fora de casa, e agora espera o resultado da partida entre Roma e Napoli para ver se a conquista ocorre já nesta segunda-feira (25).   


O jogo em Florença foi tenso e teve um pênalti duvidoso não marcado para a Viola no primeiro tempo. O ápice do desespero para os torcedores bianconeri chegou aos 44 minutos do segundo tempo: pênalti cometido por Cuadrado sobre Kalinic. O croata então foi para a cobrança e Buffon fez uma linda defesa - no rebote, mais uma vez, o goleiro defendeu a bola e não deixou o placar mudar.   


Após o jogo, Morata - que saiu do banco para garantir a vitória da Velha Senhora - afirmou que "Buffon não é humano".   


"Era importante vencer aqui em Florença, neste campo onde não nos querem muito bem. Vencemos também graças à Buffon, que não é humano, e defendeu o pênalti. Somos fortes e sabemos que se jogamos unidos é muito difícil de nos bater. Agora precisamos pensar só em vencer o Scudetto", disse o atacante.   


Já o treinador afirmou que, após um início de temporada difícil, a equipe soube reagir da melhor maneira possível. "Não era fácil vencer aqui, era uma etapa muito complicada - assim como era impensável ter 24 vitórias nas últimas 25 partidas. Nós fizemos uma temporada memorável e precisamos coroá-la da melhor maneira", destacou.   


Caso consiga o quinto título consecutivo, a equipe de Allegri irá igualar o feito da década de 1930, entre os anos de 1930 e 1935, quando conquistou 5 Scudettos na sequência. Seu rival de Turim, o Torino, venceu os campeonatos entre os anos de 1942 e 1949 (não houve temporada em 1944) e a Inter de Milão conquistou o pentacampeonato entre os anos de 2005 e 2010.   


- O que precisa para ser campeão? Com a vitória sobre a Fiorentina, a Juventus abriu 12 pontos sobre o Napoli com apenas três rodadas para o fim do torneio - ou seja, nove pontos na disputa.   


Se o Napoli perder ou empatar com a Roma, em partida fora de casa, o título fica com a Juventus. Assim como ocorreu na temporada 2013/2014, quando a Roma derrotou o Catânia e "deu" o título para a Velha Senhora. Caso o Napoli vença, a distância ficará novamente em nove pontos e a disputa segue aberta até a próxima partida.   


Na 36ª rodada, a Juventus recebe o Carpi - que luta para não cair -, vai até Verona enfrentar o Hellas Verona (que está praticamente rebaixado) - e fecha o campeonato enfrentando a Sampdoria em casa.   


Já os napolitanos enfrentam a Atalanta (fora), vai a Turim enfrentar o Torino e encerra o campeonato contra o Frosinone.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos