Cruz tenta última cartada contra Trump em prévias de Indiana

WASHINGTON, 03 MAI (ANSA) - Com Donald Trump e Hillary Clinton cada vez mais perto de confirmarem suas nomeações, republicanos e democratas vão às urnas nesta terça-feira (3) para as primárias de Indiana, onde o magnata e a ex-secretária de Estado são favoritos para vencer.   

Pelo lado conservador, a prévia funciona no sistema "winner-take-all" ("o vencedor leva tudo"), ou seja, quem terminar em primeiro, independentemente da porcentagem, ficará com todos os 57 delegados em disputa. Trump, líder disparado na frente republicana, já tem 996, segundo a contagem do site "Politico", enquanto seu maior rival, o senador texano Ted Cruz, possui apenas 565.   

Para ser nomeado candidato à Casa Branca pelo partido, o postulante precisa obter 1.237 delegados. Por isso, para Cruz é essencial vencer em Indiana para tentar fazer com que a convenção republicana seja aberta, com ninguém alcançando o número mágico para disputar a Presidência. No entanto, as últimas pesquisas dão ampla vantagem para Trump no estado.   

O outro pré-candidato republicano, o governador de Ohio, John Kasich, entrou em acordo com Cruz para não fazer campanha em Indiana, enquanto o senador abrirá mão da disputa em Oregon e Novo México. O pacto é uma tentativa desesperada dos dois de frear o avanço do magnata.   

Pelo lado democrata, a disputa já está praticamente encerrada.   

Hillary tem 2.165 delegados, sendo que precisa de 2.383, e é favorita para faturar a prévia em Indiana, que distribuirá 92.   

Ainda que Sanders consiga uma improvável vitória, o fato de os liberais adotarem o sistema proporcional em suas primárias faz com que seja muito mais difícil tentar uma reação.   

A votação desta terça-feira é importante para a ex-primeira-dama testar sua força entre o eleitorado branco da classe trabalhadora, predominante em Indiana e que tem se mostrado mais favorável ao senador por Vermont até aqui. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos