Bispos alertam para catástrofe social no Rio antes dos Jogos

ROMA, 06 MAI (ANSA) - Os bispos da diocese do Rio de Janeiro, liderados pelo arcebispo Dom Orani Tempesta, escreveram uma carta aberta alertando para a "catástrofe social" na cidade antes dos Jogos Olímpicos. "Como pastores, não podemos deixar de nos sentir afetados pelas lágrimas que brotam de tantas situações precárias que atingem, entre outras, as áreas da saúde, educação, alimentação, segurança, moradia, emprego, não recebimento de salários e aposentadorias", escreveram.   

Pedindo para que a sociedade reaja aos constantes problemas que ocorrem na cidade - como o aumento da violência e o "calote" do governo na questão dos salários dos servidores públicos aposentados -, os bispos afirmam que a situação é "ultrajante".   

"Este não é o momento de ficarmos apenas apontando responsabilidades alheias, mas de agirmos, pensando no bem comum. Conclamamos as comunidades católicas, paróquias, movimentos e demais associações para que abram suas portas e saiam, como uma igreja samaritana, uma igreja em campanha, uma igreja em missão, na busca de quem está sofrendo as mais diversas formas deste momento tão peculiar", alertaram.   

Para os religiosos, é preciso achar soluções rápidas para diminuir o sofrimento das pessoas e que o diálogo seja um instrumento importante para resolver o problema, evitando as "raias da violência" ou ultrapassar "os limites do bom senso".   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos