Em operação recorde,Colômbia apreende 8 toneladas de cocaína

ROMA, 16 MAI (ANSA) - A polícia da Colômbia apreendeu nesta segunda-feira (16) quase oito toneladas de cocaína, em uma das maiores operações antidrogas da história do país. A cocaína estava escondida em uma plantação de bananas na cidade costeira de Turbo. De acordo com a polícia, a droga pertencia ao vice-líder do cartel Clan Úsuga, Roberto Vargas Gutiérrez, conhecido como "Gavilán", cuja recompensa por sua captura é de 500 milhões de pesos. "Foi a maior apreensão de cocaína no território colombiano", disse o ministro da Defesa do país, Luis Carlo Villegas. A operação começou na tarde de sábado e terminou somente hoje.   

Três pessoas foram presas e outras três conseguiram fugir.   

A droga estava escondida em um depósito subterrâneo de 6,5 metros de comprimento, cujo interior era forrado com madeira. A tampa escondia o local com cimento. A cocaína deveria ser despachada pelo Mar do Caribe rumo aos Estados Unidos. Já o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, parabenizou os agentes de segurança pela operação. "Felicitamos a polícia da Colômbia. A operação em Turbo permitiu apreender a maior quantidade de droga da história", escreveu o mandatário em seu Twitter. Entre os anos de 1993 e 1999, a Colômbia foi a principal produtora de cocaína no mundo, e uma das principais exportadoras de heroína também. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos