Premier canadense perde a paciência e 'agride' deputado

NOVA YORK, 19 MAI (ANSA) - Conhecido pelo bom humor e pela simpatia, Justin Trudeau desta vez perdeu a paciência. O primeiro-ministro canadense, durante uma acalorada discussão, foi acusado de ter sido ríspido demais com um membro do Parlamento ao agarrá-lo pelo braço.   

Depois, enquanto o empurrava, acidentalmente deu uma cotovelada em outra deputada. O incidente aconteceu durante a votação da legalização do chamado "suicídio assistido", enquanto Trudeau tentava organizar os parlamentares e colocá-los de novo em seus lugares.   

O primeiro-ministro, no entanto, se desculpou pelo ocorrido, explicando que não tinha intenção de machucar ninguém. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos