Portal ANSA Latina é celebrado em evento em Roma

ROMA, 07 JUN (ANSA) - Oferecer um olhar aprofundado sobre a América Latina e ser uma janela sobre a Itália e a Europa para os leitores de um continente em constante crescimento. Esse é o objetivo do ANSA Latina, o novo site em espanhol da agência italiana, apresentado nesta terça-feira (07) no Instituto Ítalo-Latino-Americano (Illa) em Roma, com a presença de uma grande quantidade de embaixadores das nações do continente.   

O novo ANSA Latina, que entrou no ar há algumas semanas e segue em evolução, é gerenciado pela redação de Buenos Aires e por outras áreas. Um instrumento a mais, que se alinha ao lado da ANSA Brasil, o portal em português gerenciado pela redação de São Paulo, para reforçar o papel da agência em uma área estratégica para a política e a economia da Europa e da Itália.   

"A ANSA é a única empresa de comunicação italiana presente no mundo todo", destacou o CEO, Giuseppe Cerbone, durante um debate intermediado pelo vice-diretor, Stefano Polli. "Estamos presentes na Argentina há mais de 60 anos e agora queremos falar sobre um continente de 550 milhões de pessoas, em contínuo crescimento, também para beneficiar as empresas que querem investir ali e vice-versa", em uma fase histórica na qual a exportação da Itália para a América Latina continua a crescer mais do que outros países, acrescentou Cerbone.   

O diretor de redação, Luigi Contu, lembrou a evolução da agência para o digital para garantir uma "informação fiel de âmbito global não só aos usuários, mas tambpem para os cidadãos" e, nesta ótica, a ANSA Latina quer tornar-se referência para o jornalismo multimídia e para os leitores em língua espanhola, com uma atenção particular aos eventos latino-americanos e um ponto de leitura europeia e italiana.   

O constante interesse italiano para a América Latina foi também lembrado pelo vice-ministro da Itália das Relações Exteriores, Mario Giro, que citou as numerosas viagens para o continente do primeiro-ministro, Matteo Renzi, do chanceler, Paolo Gentiloni, bem como das próximas viagens do presidente da República, Sergio Mattarella, para Argentina e México.   

Agora, chegou o momento de "fazer mais porque somos parceiros históricos e há ainda vários pedidos na questão do intercâmbio econômico, a cultura e a pesquisa científica", ressaltou Giro.   

Segundo o vice-chanceler, o ANSA Latina "pode ser protagonista para interpretar e entender o interesse comum, para ser uma ponte".   

O vice-presidente da Illa, o embaixador brasileiro na Itália, Ricardo Neiva Tavares, destacou que a América Latina não tem a importância que merece na mídia internacional e para superar "as barreiras da superficialidade é crucial o papel das agências e a da ANSA, em particular", quer com o novo site em espanhol "adquire uma maior importância" para "compreender e traduzir os nossos países".   

A partir, por exemplo, das próximas Olimpíadas no Rio de Janeiro, que "serão as mais bonitas do mundo, antes daquela de Roma", afirmou o embaixador com um especial desejo de boa sorte na candidatura da capital italiana para ser sede dos Jogos Olímpicos de 2024.   

Franco Lavini, presidente da Pirelli Argentina, falou diretamente de Buenos Aires e destacou a vitalidade da relação entre as duas nações, reforçadas com as missões de Matteo Renzi, do ministro da Cultura, Dario Francescini, e do subsecretário de Desenvolvimento Econômico, Ivan Scalfarotto, depois da posse do presidente argentino Mauricio Macri. Para ele, o novo site com base em Buenos Aires "constituirá um instrumento de maior promoção".   

ANSA Latina não quer ser apenas um instrumento de aprofundamento sobre a América Latina, mas também para falar sobre o mundo e a Itália aos cidadãos sul-americanos com o estilo e os métodos da ANSA, graças à rede de correspondentes e colaboradores nos cinco continentes e a sua parceria com a mídia estrangeira. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos