Após alagamentos, Louvre e Orsay reabrem ao público

PARIS, 8 JUN (ANSA) - Os museus do Louvre e de Orsay reabriram ao público nesta quarta-feira (8), depois de cinco dias fechados e evacuados como medida de precaução contra as enchentes que atingiram Paris na semana passada e pela cheia do rio Sena. Algumas áreas dos dois museus, no entanto, permanecerão fechadas até que existam condições para realocar as obras de arte que foram retiradas do acervo, como o departamento de Arte Islâmica do Louvre. O governo da França anunciou hoje que 782 cidades do país estão em "estado de catástrofe natural" devido às inundações. As companhias de seguro também foram aconselhadas a fazerem o "máximo de esforço" para indenizarem rapidamente as pessoas afetadas pelas enchentes. De acordo com os institutos de previsão meteorológica, ainda há riscos de temporais violentos nos próximos dias na França, principalmente na zona nordeste do país. O alerta atual é nível laranja, o penúltimo da escala, que termina em vermelho.   


Na semana passada, o rio Sena atingiu o maior nível em 35 anos, com 6, 10 metros. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos