Imigrantes protestam na Itália após policial matar jovem

SAN FERDINANDO, 9 JUN (ANSA) - Cerca de 100 imigrantes protestaram na manhã desta quinta-feira, dia 9, na cidade de San Ferdinando, na Itália, após a Polícia local matar ontem um jovem de Mali, que havia esfaqueado um dos agentes de segurança.   

O incidente ocorreu em um acampamento que recebe milhares de trabalhadores imigrantes anualmente para colheita de laranja e de outros produtos agrícolas em Gioia Tauro. A tensão está alta na região, mas, até o momento, não foram registrados outros episódios de violência.   

"Não estamos aqui para fazer guerra, mas para trabalhar e poder comer. Os carabinieri deveriam colocar a paz na região e não matar", disse um imigrante de Mali ao jornal local "TGCOM 24".   

O policial e um outro agente foram chamados ao campo para apaziguarem uma briga entre imigrantes na última quarta-feira.   

Um dos homens tirou uma faca do bolso e atacou o oficial, que revidou. O agente, identificado como Antonio Catalano, disparou contra o estrangeiro, Sekine Triore, de 26 anos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos