Na véspera de cirurgia, Berlusconi comunga e se confessa

MILÃO, 13 JUN (ANSA) - Na véspera da delicada cirurgia cardíaca que substituirá sua válvula aórtica, o ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi se confessou e comungou no Hospital San Raffaele, situado em Milão, onde será operado.   

Segundo pessoas próximas ao líder conservador, ele passou o dia de maneira "serena" e recebeu seus filhos no quarto. A intervenção cirúrgica está prevista para as 8h da manhã desta terça-feira (14), no horário italiano.   

Fontes do hospital dizem que serão comunicados somente o início e o fim da operação, com informações básicas, mas que os detalhes serão anunciados apenas na quarta-feira seguinte (15).   

Por meio de uma nota divulgada nesta segunda (14), Berlusconi afirmou estar "preocupado", mas motivado pelas "tantas demonstrações de estima, apoio e afeto que vêm de todas as partes".   

Ele foi diagnosticado na semana passada com "insuficiência severa da aorta", em plena reta final da campanha do segundo turno das eleições municipais na Itália, onde ele tenta emplacar seus candidatos em algumas das principais cidades do país, como Milão e Nápoles.   

Condenado em última instância por fraude fiscal e cassado pelo Senado, o ex-primeiro-ministro está interditado de cargos públicos até 2019 e ainda responde por corrupção contra o sistema judiciário e falso testemunho no processo "Ruby ter", em que é acusado de pagar mesadas para calar garotas de programa durante as audiências do caso "Ruby", no qual foi absolvido dos crimes de prostituição de menores e abuso de poder. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos