Premier italiano lamenta assassinato de deputada britânica

ROMA, 16 JUN (ANSA) - O primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, afirmou que o assassinato da parlamentar trabalhista britânica Jo Cox, ocorrido nesta quinta-feira (16), foi um "horrível ato de ódio que joga uma sombra no coração de todos".   

Cox foi morta por um homem de 52 anos que teria gritado "Grã-Bretanha em primeiro lugar" antes de cometer o crime. "É um ódio que nunca prevalecerá, nem na Inglaterra e nem em lugar nenhum", disse o chefe de governo italiano. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos