Corpo de menina de 10 anos é achado nu em piscina na Itália

NÁPOLES, 21 JUN (ANSA) - Um cidadão romeno de 21 anos está sendo investigado pelo assassinato de uma menina de apenas nove cujo corpo foi encontrado sem roupa na piscina de uma casa em San Salvatore Telesino, na região da Campânia, sul da Itália.   

As hipóteses são de que ele teria cometido crimes de homicídio e violência sexual, já que a autópsia confirmou que a vítima foi estuprada. Segundo o exame, a criança morreu por asfixia por afogamento, ou seja, ela foi jogada nua na água ainda com vida.   

Além disso, as investigações descobriram que a menina não sabia nadar. O corpo foi encontrado na noite do último domingo (19), e a vítima era filha de um operário e de uma cuidadora, todos de origem romena, mas que viviam há anos na Itália.   

A família era conhecida em toda a cidade - que tem menos de 4 mil habitantes -, principalmente por frequentarem a paróquia local. A vítima foi vista pela última vez na igreja onde era coroinha. A pequena iria participar de uma procissão por volta das 19h30, mas o mau tempo acabou adiando o evento.   

Ela então disse que iria brincar em um parquinho, mas desde então seus traços se perderam. Às 20h, o pai da menina alertou a polícia, que iniciou os trabalhos de busca. No entanto, quem achou o corpo foi a dona de um pequeno hotel no centro da cidade. Enquanto falava ao celular, a mulher se aproximou da piscina, que estava fechada ao público, e viu o cadáver sem roupa da criança.   

O jovem investigado teria dito que conhecia a menina e que a viu na noite de domingo, mas que depois foi para a casa de conhecidos fora de San Salvatore Telesino. Além do romeno, a polícia interrogou cerca de 40 pessoas para tentar reconstruir as últimas horas de vida da vítima.   

O caso é mais um episódio de feminicídio na Itália, onde mais de 50 mulheres já morreram desde o início do ano devido à ação violenta de parentes, conhecidos ou companheiros. A lista de assassinadas inclui desde uma criança de três anos até uma senhora de 80, e muitas vezes os crimes são acompanhados de abuso sexual. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos