Governo de Bogotá anuncia nova data para acordo com as Farc

BOGOTÁ, 21 JUN (ANSA) - O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, se comprometeu na noite da última segunda-feira, dia 20, a assinar o acordo de paz com o grupo guerrilheiro Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) no prazo de um mês.   

"Eu acredito que até 20 de julho teremos encerrado as negociações em Havana e começaremos uma etapa nova para o país", declarou o mandatário em pronunciamento na Casa de Nariño, a sede do governo local.   

A data é bastante simbólica, pois é quando é comemorada a independência do país.   

"Espero que a Corte Constitucional aprove em breve o plebiscito" sobre o acordo com as Farc, acrescentou.   

Santos já havia anunciado que um acordo definitivo seria alcançado em 23 de março deste ano. Desavenças entre o grupo guerrilheiro e representantes de Bogotá impediram que o prazo fosse concretizado, no entanto.   

As negociações tiveram início no final de 2012 em Havana, Cuba.   

Desde que as Farc foram criadas, no começo dos anos 1960, estima-se que o conflito com Bogotá tenha deixado mais de 220 mil mortos, quase 50 mil desaparecidos e 6,6 milhões de deslocados. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos