Ex-prefeita de Gênova pode ser condenada a 6 anos de prisão

GÊNOVA, 28 JUN (ANSA) - A Procuradoria de Gênova pediu nesta terça-feira (28) seis anos e um mês de prisão para a ex-prefeita Marta Vincenzi (2007-2012) por conta das enchentes de 4 de novembro de 2011, que mataram seis pessoas, sendo quatro mulheres e duas crianças.   

Segundo a acusação, o órgão de proteção civil da capital da Ligúria agiu com "desleixe" na prevenção às inundações e, por negligência, falhou em minimizar os danos provocados pelos alagamentos. Vincenzi, que pertence ao centro-esquerdista Partido Democrático (PD), estava em um congresso na época das enchentes.   

A Procuradoria também pediu a condenação de outros quatro dirigentes da Prefeitura de Gênova: Francesco Scidone (cinco anos e 11 meses), Gianfranco Delponte, Pierpaolo Cha (quatro anos, sete meses e 15 dias cada) e Sandro Gambelli (quatro anos e um mês). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos