Raikkonen diz que permanência na Ferrari depende da equipe

ROMA, 30 JUN (ANSA) - "Se dependesse apenas de mim, você já saberia a resposta". Essas foram as palavras do finlandês Kimi Raikkonen ao ser perguntado nesta quinta-feira (30) sobre sua enrolada renovação de contrato com a Ferrari.   


Seu atual vínculo com a escuderia de Maranello termina no fim do ano, mas até agora não há sinal de acordo. "Eu não sou o único que decide, o time sabe o que penso e para mim isso é o suficiente", declarou o "homem de gelo".   


Especula-se que a Ferrari pensa em contratar o mexicano Sergio Pérez, hoje na Force India, para substituir Raikkonen em 2017.   


Recentemente, o presidente da equipe italiana, Sergio Marchionne, disse que o finlandês precisa provar que merece seguir em Maranello.   


"Se diz tanta fofoca, mas para mim isso não representa nada de novo. São sempre as mesmas histórias, e no fim não são aqueles que falam que assinam os contratos", acrescentou o piloto.   


Raikkonen ocupa a quarta posição no campeonato, com 81 pontos. À frente dele estão Nico Rosberg (141) e Lewis Hamilton (117), ambos da Mercedes, e seu companheiro de Ferrari, Sebastian Vettel (96). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos