Cameron deixará Downing Street, mas seu gato continuará lá

LONDRES, 12 JUL (ANSA) - O gato Larry, famoso por viver junto à família do primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, continuará na residência da Downing Street 10, a moradia oficial do governo britânico, mesmo com a saída de seus atuais donos de lá nesta quarta-feira, dia 13.   


Larry, que convivia desde 2011 com os Cameron, não acompanhará a família para o seu novo lar, mas sim receberá a ministra do Interior, Theresa May, que a partir desta quarta será a nova premier britânica e passará a morar na Downing Street.   


A notícia, dada pelo jornal "The Guardian", foi confirmada por fontes oficiais que esclareceram que o gato não é um bicho de estimação de David e Samantha Cameron e de seus filhos, mas sim é "um funcionário do Estado".   


Larry foi escolhido há 5 anos no centro de gatos e cachorros abandonados Battersea Dogs & Cats Home pelo seu "forte instinto predatório" e desde então se transformou em celebridade entre a população britânica.   


O último "caçador de ratos oficial" da residência havia sido Humphrey, que cumpriu honrosamente seu dever até 1997. Logo após dele veio Sybil, porém o animal nunca se acostumou de verdade ao ambiente e foi enviado para a Escócia, deixando assim o cargo desocupado até a chegada de Larry em 2011. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos