Após Brexit, May assume como nova premier pedindo união

LONDRES, 13 JUL (ANSA) - Após David Cameron deixar o cargo de premier do Reino Unido nesta quarta-feira, dia 13, a conservadora Theresa May acaba de assumir em seu lugar, se tornando a segunda primeira-ministra da história da nação, após Margaret Thatcher.   

Em pronunciamento, ela confirmou que foi "convidada" pela rainha Elizabeth II para formar um novo governo. May, que liderará a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), ainda pediu a união do país. Ficou para a conservadora, após a saída de Cameron, enfrentar a fase mais difícil do "Brexit" e todas as suas consequências políticas, econômicas e sociais. A ex-ministra do Interior também criticou em seu discurso as injustiças sociais, dizendo que seu governo "não será guiado pelos interesses de uns poucos privilegiados".   

De acordo com a imprensa local, a composição de seu governo e Gabinete também será majoritariamente de mulheres, já que a nova premier tem como meta reequilibrar a disparidade de gênero.   

A nova moradora de Downing Street elogiou o legado de Cameron.   

"Ele foi um grande premier", disse, lembrando que seu antecessor "estabilizou a economia" britânica. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos