Notório playboy italiano é preso por fraude de ? 1 milhão

ROMA, 20 JUL (ANSA) - O empresário italiano Stefano Ricucci, de 53 anos, foi preso nesta quarta-feira (20) sob a acusação de ter emitido cerca de 1 milhão de euros (R$ 3,6 milhões) em recibos falsos.   

Ex-acionista do jornal "Corriere della Sera" e hoje atuante no setor de construção civil, Ricucci tem origem simples, mas se tornou um notório playboy, conhecido por ostentar uma vida repleta de luxo. No passado, se envolveu em diversos problemas judiciários, sendo o principal deles a falência fraudulenta do Grupo Magiste.   

A partir deste caso, surgiu o inquérito que culminou na sua prisão nesta quarta-feira. Segundo a Guarda de Finanças, o empresário emitiu recibos de operações inexistentes para obter liquidez. Além disso, teria subornado um juiz com dinheiro e mulheres em troca de sentenças favoráveis a ele. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos