Após tiroteio, Merkel diz que sofre com famílias de vítimas

ROMA E BERLIM, 23 JUL (ANSA) - Em seu primeiro pronunciamento após o tiroteio no shopping center de Munique, a chanceler alemã Angela Merkel lamentou o massacre e disse "sofrer" com as famílias das nove vítimas.   

"Lamento profundamente e para as famílias daqueles que não voltarão mais para casa, em nome de todos, compartilhamos o seu sofrimento e sofremos com vocês. Nosso pensamento também está com os vários feridos para que possam se curar completamente", disse a chanceler neste sábado (23).   

Classificando o ataque como "uma noite de horror", Merkel destacou que seu governo irá "investigar até a última palavra sobre o que aconteceu". "O Estado fará de tudo para assegurar a segurança e a liberdade de todas as pessoas. Qualquer um de nós poderia estar ali e consigo entender quem se sente inseguro", disse ainda a líder política. Merkel aproveitou o pronunciamento para elogiar o comportamento "altamente profissional" da polícia de Munique.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos