Igreja atacada na França fez parte da infância de Hollande

PARIS, 26 JUL (ANSA) - Atacando a igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray, a dupla de terroristas que agiu em nome do Estado Islâmico golpeou também um dos lugares de infância do presidente François Hollande, nascido em 12 de agosto de 1954, em Rouen, a menos de 10 quilômetros da zona do atentado. Filho de pais católicos (George, médico, e Nicole, assistente social), o atual chefe de Estado francês deu seus primeiros passos na rue de Carmes, número 90, perto da célebre Catedral de Rouen, um dos monumentos símbolos da França e imortalizada em 30 pinturas do artista impressionista Claude Monet. O jovem Hollande, que mais tarde rompeu com a tradição católica e virou agnóstico, mudou-se em 1958 com sua família para Bois-Guillaume. Durante sua campanha à Presidência em 2012, Hollande passou por Rouen e lembrou de sua infância: "Com exceção dos fenos, vavas e cavalos, hoje não tem mais nada de antigamente", comentou. Na manhã desta terça-feira (26), dois homens que se diziam leais ao Estado Islâmico invadiram a igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray e degolaram o padre Jacques Hamel, de 86 anos, durante a missa. Os agressores foram mortos pela polícia. O atentado ocorreu há 12 dias do massacre em Nice, quando um homem atropelou com um caminhão mais de 80 pessoas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos