Sonda Rosetta corta comunicação com robô Philae

BERLIM, 27 JUL (ANSA) - A Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) anunciou que irá cortar a comunicação da sonda Rosetta com o robô espacial Philae após mais de um ano sem receber sinais.   

De acordo com representantes da ESA, a decisão foi tomada com o objetivo de poupar o consumo de energia.   

O último contato foi realizado em 9 de julho do ano passado.   

Isso ocorre porque o Philae caiu na parte sul do astro, em um ponto que não consegue ativar suas baterias solares para manter-se ligado, em uma espécie de "sombra". Comandada pela ESA, a missão Rosetta começou há mais de 11 anos.   

A sonda foi lançada em março de 2004 com o objetivo de alcançar o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko e soltar sobre ele o robô Philae. A meta foi alcançada em novembro de 2014, em uma manobra sem precedentes na história da exploração espacial. O robô tinha como objetivo fazer um estudo detalhado do astro que viaja entre as órbitas de Terra e Júpiter. Agora, a Rosetta seguirá seus trabalhos, recolhendo dados, até o fim de setembro, quando iniciará uma lenta descida até o 67/P e ficará lá - ao lado de Philae - pela eternidade. Dados coletados pela Rosetta e o Philae ajudaram cientista a entender o funcionamento dos cometas e seu papel no universo.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos