Por medo de ataques, Cannes proíbe 'bolsas grandes' na praia

PARIS, 28 JUL (ANSA) - A cidade de Cannes, na França, firmou um decreto nesta quinta-feira (28) em que proíbe o uso de bolsas, mochilas ou malas de "grandes dimensões" ao longo de sua praia. Segundo o prefeito da famosa localidade turística, David Lisnard, a ação é uma "medida de segurança" para evitar ataques de natureza terrorista na cidade e ficará em vigor até o dia 31 de outubro. A ideia é que o porto de grandes volumes podem esconder bombas ou armas de grosso calibre. A França, de maneira geral, está em estado de emergência até o início de 2017 após a série de ataques que vem enfrentando. A situação extraordinária deveria ter terminado neste mês, mas o ataque realizado em Nice no dia 14 de julho, que deixou 84 mortos, fez o Parlamento prorrogar o decreto.   

A preocupação com um ataque pela praia fez até com que o Palais des Festivals, do famoso Festival de Cinema de Cannes, fosse evacuado em maio em uma simulação de ação terrorista pelo mar.   

Em junho do ano passado, um atentado utilizando esse "mecanismo" foi realizado na praia de Sousse, na Tunísia, local muito frequentado por turistas europeus.   

O ataque foi assumido pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI, ex-Isis) e foi realizado quando um atirador, identificado como Sefeddine Rezgui, chegou às areias da praia, onde há um hotel de luxo, com uma moto aquática. A ação terminou com 38 mortos, sendo 15 britânicos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos