Renzi visita projeto do melhor chef do mundo no Rio

ROMA, 5 AGO (ANSA) - Para o premier da Itália, Matteo Renzi, o chef do melhor restaurante do mundo, o também italiano Massimo Bottura, venceu a medalha de ouro da solidariedade pelo projeto social "Refetto Rio Gastromotiva", no qual cozinhará de graça para pessoas de baixa renda no Rio de Janeiro durante os Jogos Olímpicos.   


Declaração foi feita por Renzi nesta sexta-feira, dia 5, durante sua visita ao projeto, que usa alimentos que seriam desperdiçados na Vila Olímpica.   


A iniciativa terá início no próximo dia 9 na favela da Rocinha e contará com 45 cozinheiros famosos e voluntários de diversas partes do mundo. Cerca de 19 mil refeições devem ser feitas durante os Jogos do Rio com 12 toneladas de alimentos que iriam para o lixo.   


O projeto foi criado pela ONG "Food for Soul", idealizada por Bottura para lutar contra o desperdício e pela inclusão social.   


O chef é um militante contra o desperdício e a má nutrição.   


"Refetto", em italiano, deriva do latim, "reficere", que significa "refazer", "restaurar". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos