Jogadora de rugby é pedida em casamento nas Olimpíadas

RIO DE JANEIRO, 9 AGO (ANSA) - Depois da presença da transexual Lea T pedalando um triciclo na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, representando a diversidade sexual, agora a jogadora de rugby da seleção brasileira Isadora Cerullo, "Izzy", foi pedida em casamento por sua namorada. O pedido ocorreu durante a entrega de medalhas que coroou a Austrália como campeã da modalidade nesta segunda-feira (8).   


Enquanto Izzy achava que ia conceder uma entrevista e aguardava no campo, a gerente Marjorie Enya, voluntária na Rio 2016, pegou o microfone e fez o pedido.   


Acompanhado por balões em forma de coração e pelas atletas da seleção, o pedido foi aceito aos beijos. A aliança foi substituída por um grande laço amarrado no dedo de Izzy. A torcida aplaudiu muito o casal. "Assim que soube que Izzy participaria das Olimpíadas, pensei em fazer isso de uma forma especial. A Olimpíada pode estar no fim, mas para mim é o início de uma nova vida com outra pessoa. E ela é o amor da minha vida", disse Marjorie. As duas já namoram há dois anos e vivem juntas em São Paulo. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos