Polícia do Canadá mata homem suspeito de terrorismo

SÃO PAULO, 11 AGO (ANSA) - A polícia do Canadá matou um jovem de 24 anos suspeito de ter ligações com o grupo terrorista Estado Islâmico (EI, ex-Isis), informou a mídia local nesta quinta-feira (11).   

Segundo a agência de notícias "Associated Press", o homem se chamava Aaron Driver e era monitorado há cerca de dois anos. A operação foi realizada ontem (10) e foi causada porque as autoridades temiam que ele executasse um plano suicida em algum local público repleto de pessoas.   

Porém, as autoridades não deram detalhes sobre toda a operação e nem se encontrou explosivos com o hovem. Natural de Winnipeg, ele havia sido ouvido há cerca de dois anos pela Justiça por ser suspeito de "simpatizar" com o EI. Driver. O Canadá é um dos países que fazem parte da coalizão internacional, liderada pelos Estados Unidos, para combater os jihadistas no Iraque. Apesar da postura do novo premier Justin Trudeau de diminuir a participação nos combates, a nação pode ser alvo de ataques terroristas de lobos solitários. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos