Sirte está quase livre do EI, dizem forças líbias

CAIRO, 11 AGO (ANSA) - Com o apoio dos Estados Unidos, as Forças líbias liberaram 70% da cidade de Sirte, que estava sob o controle dos jihadistas do Estado Islâmico (EI, ex-Isis), após atacar diversos locais estratégicos nas últimas 24 horas, informaram autoridades.   

A área de Sirte, ao norte do país, caiu nas mãos dos terroristas do EI no ano passado, onde houve a imposição de um tipo de califado baseado em uma rígida interpretação da sharia (lei islâmica). O município é tido como último reduto dos jihadistas no país. O prefeito de Sirte, Mokhtar Khalifa, disse, em entrevista à agência norte-americana "Associated Press", acreditar que em breve a cidade deve estar "completamente livre" do EI. Autoridades locais estimam que apenas algumas centenas de jihadistas ainda estejam em Sirte.   

As Forças líbias já haviam anunciado ontem a tomada do quartel-general do grupo em Sirte. "As forças dos revolucionários controlaram completamente o complexo de Ouagadougou", anunciaram autoridades militares líbias no Twitter em comemoração. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos