Cubano enrola charuto de 90 metros para homenagear Fidel

HAVANA, 13 AGO (ANSA) - José Castelar, de 72 anos de idade e conhecido como "Cueto", bateu um novo recorde do "Guinness Book" ao enrolar um charuto de 90 metros em homenagem ao "comandante" Fidel Castro, que completa 90 anos de vida neste sábado (13). Com meio século de experiência como "tabaqueiro", Cueto já tem história no livro dos recordes: sua primeira marca foi obtida com um charuto de 11,04 metros. Depois disso, foram mais cinco recordes, até chegar ao atual.   

Mais do que superar números, ele usa seu trabalho como forma de crítica à grave situação econômica em que se encontra Cuba, pela qual os adeptos do Castrismo culpam o embargo promovido pelos Estados Unidos há mais de 50 anos.   

A indústria tabagista é uma das maiores apostas para melhorar o cenário na ilha caribenha, com a possibilidade dos fabricantes locais passarem a fornecer tabaco aos EUA, ideia que é discutida no âmbito da reaproximação entre os dois países.   

Atualmente, charuto e rum são os únicos produtos que os norte-americanos podem levar de viagem quando vão a Cuba, respeitando o limite de US$ 100 gastos com cada um. Contudo, os famosos "cubanos" não podem ser exportados para os EUA por conta do embargo.   

A empresa Habano S. A, principal produtora de tabaco do país latino, estima que poderia vender até US$ 250 milhões por ano ao mercado dos Estados Unidos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos