Morre mulher ferida em ataque a trem na Suíça

GENEBRA, 14 AGO (ANSA) - Uma mulher de 34 anos ferida no ataque a um trem regional na Suíça no último sábado (13) faleceu neste domingo (14).   

Esfaqueada pelo agressor, ela estava internada em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos. Além disso, o homem responsável pelo ato, um suíço de 27 anos, também morreu.   

Ele havia entrado no trem com uma faca e um recipiente com líquido inflamável. Após ter esfaqueado alguns passageiros, tentou incendiar a composição, provocando graves queimaduras nele mesmo e em outras três pessoas.   

Ao todo, foram seis feridos, sendo que uma adolescente de 17 anos e um menino de seis continuam internados em estado grave. O incidente ocorreu nos arredores da estação de Salez, no cantão de St. Gallen, perto da fronteira com Liechtenstein.   

A polícia trata o caso como uma "agressão isolada", descartando motivações políticas ou terroristas. Ao contrário de nações vizinhas, como França e Alemanha, a Suíça não tem histórico de ações extremistas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos