Mesmo com vitória, Bolt critica organização de provas no Rio

RIO DE JANEIRO, 15 AGO (ANSA) - Mesmo conquistando a terceira medalha de ouro em Olimpíadas de sua carreira, o jamaicano Usain Bolt criticou a organização dos Jogos do Rio de Janeiro por marcar a semifinal e a final da prova dos 100 metros em um curto intervalo de tempo. A eliminatória ocorreu às 21h07 e a final, às 22h25. "Eu realmente esperava correr mais rápido na final. É muito ruim para qualquer atleta. Eu estava cansado após os 100 metros e nunca fico cansado. Isso aconteceu porque não tive tempo suficiente para descansar. É ridículo", disse Bolt. "O intervalo foi muito pequeno, eu me senti tão bem na semifinal que poderia ter corrido um tempo melhor na sinal. Foi muito estúpido, não sei quem decidiu isso", criticou.   


Agora, Bolt correrá a prova dos 200 metros livres, cuja semifinal está marcada para amanhã (16) e a final, para quinta-feira (18). "Mais duas medalhas de ouro e me torno imortal", disse o tricampeão olímpico dos 100 metros rasos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos