Em evento, Lula se diz 'esquecido' nos Jogos da Rio 2016

SÃO PAULO, 16 AGO (ANSA) - O ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva afirmou na noite desta segunda-feira, dia 15, que está se sentindo "esquecido" nos Jogos Olímpicos da Rio 2016.   


Durante um evento em Santo André sobre os 10 anos da Lei Maria da Penha, que entrou em vigor durante o primeiro mandato do político, Lula disse que ele se considera o "pai" dos Jogos e que as Olimpíadas não teriam vindo para o Rio de Janeiro se não fosse por ele.   


"Na abertura eu me senti como no filme 'Esqueceram de Mim' e me dei conta de que não haveria jogos Olímpicos se não fosse por mim", comentou Lula ao lado de sua esposa, Marisa Letícia.   


A frase do ex-mandatário remete à escolha do Rio de Janeiro como a sede do maior evento esportivo do mundo, que aconteceu em Copenhague, Dinamarca, em 2009, época na qual Lula era o presidente.   


E se Lula se considera o "pai" das Olimpíadas, ele também acredita que a presidente afastada Dilma Rousseff é a mãe da Rio 2016, já que ela passou a maior parte do tempo de organização no cargo.   


Dito isso, o político falou sobre o fato de que os Jogos foram oficialmente abertos pelo presidente interino, Michel Temer, e ressaltou mais uma vez que o governo atual está no poder devido a um "golpe". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos